• Higor Salles | Canal 8

Furto com apagão no Campo Grande derruba torres de transmissão

Polícia Civil suspeita que bandidos derrubaram as torres para tentar extrair e vender os materiais

Torres foram derrubadas após ação de criminosos (Foto: Helen Sacconi / EPTV)

Um furto de equipamentos de uma torre de transmissão que deixou cerca de 90 bairros de Campinas sem energia elétrica, na região do Campo Grande, na madrugada desta terça-feira (13) derrubou também duas torres de transmissão nas proximidades do aeroporto internacional de Viracopos. A ação dos criminosos teria acontecido por volta das 23h desta segunda-feira (13).

A suspeita, segundo o delegado da Polícia Civil, Roney de Carvalho, é que além dos equipamentos levados, os bandidos queriam também desmontar parte dessas torres que são muito altas. A intenção seria para a venda do material de alumínio em seguida. "O que aparenta é que foi uma ação com várias pessoas, provavelmente para desmontar as torres e vender como sucata em seguida", declarou o delegado. Segundo a CPFL, pelo menos 100 mil pessoas foram afetadas com falta de energia durante a madrugada, em mais de 90 bairros de Campinas e Indaiatuba. O presidente da CPFL, Roberto Sartori, diz que a atitude foi extremamente arriscada, e causa prejuízo a população. "É um risco muito grande, são torres enormes. Foi um risco para essas pessoas que fizeram isso, e também apresenta um risco para a população, afetando além de energia para bairros, o fornecimento para hospitais e o próprio aeroporto", afirmou o presidente. Desde a manhã, mais de 120 profissionais trabalham para a reconstrução das torres. Segundo a CPFL, a empresa instalou torres provisórias, enquanto faz os trabalhos para a normalização do serviço.  O furto é investigado pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais de Campinas), com apoio do IC (Instituto de Criminalística).


Fonte: AcidadeON

4 visualizações

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.