• Higor Salles | Canal 8

John Boyd Dunlop tem novo trecho interditado para obras do BRT

Novo bloqueio ao tráfego de veículos será no trecho desde a PUC II até o Shopping Parque das Bandeiras, no Jardim Ipaussurama, na região do Campo Grande


Obras avançam nesta quinta-feira. Foto: Divulgação/Prefeitura de Campinas

A pista sentido bairro da Avenida John Boyd Dunlop será interditada hoje (3) ao tráfego de veículos, no trecho desde a PUC II até o Shopping Parque das Bandeiras, no Jardim Ipaussurama, em Campinas. A ação é necessária para a continuidade das obras de implantação do Corredor BRT (Bus Rapid Transit, Ônibus de Trânsito Rápido) na região do Campo Grande. Os trabalhos, que ocorriam na pista sentido Centro desde agosto, avançam para o sentido bairro, ao longo de cerca de 700 metros da via.  

O trânsito será desviado para a pista sentido Centro, que passa a ter duplo sentido de circulação ao longo do período de duração das obras. Os trabalhos consistem na execução do pavimento de concreto do Corredor BRT e na construção da Estação Roseiras/PUCC, próximo à universidade.  

A velocidade máxima permitida no trecho impactado foi reduzida de 60 km/h para 40 km/h, desde o dia 22 de agosto. Os pontos de ônibus localizados no trecho em obras não serão alterados.  

Na região do Jardim Ipaussurama, também ocorre a construção de pavimento do Corredor BRT e de uma passagem inferior, no trecho entre a Avenida Brasília e o campus da PUC II. Esta frente de obras prossegue, sem alterações no tráfego de veículos.

Agentes de trânsito vão circular pelos trechos em obras, monitorando o trânsito e auxiliando na segurança e fluidez da circulação viária.

OUTRA MUDANÇA Ontem, a pista sentido bairro da Avenida John Boyd Dunlop foi interditada ao tráfego de veículos no trecho a partir da Avenida Brasília até a altura das ruas Moacir Pennachin e Orlando Paulino, no Jardim Londres. A alteração ocorreu em trecho nas regiões do Jardim Londres e Jardim Ipaussurama.

Desde maio, os trabalhos já ocorriam na pista sentido Centro, ao longo de cerca de 400 metros da via. As obras consistem na implantação de novo pavimento para o Corredor BRT.

Nesta etapa, os motoristas que trafegam no sentido bairro Centro retornam à pista original, que recebeu novo pavimento asfáltico. Para o fluxo no sentido Centro bairro, prossegue a indicação de desvio atual.  

A velocidade máxima permitida no trecho impactado foi reduzida de 60 km/h para 40 km/h, desde maio. O ponto de ônibus localizado no trecho em obras será deslocado para a mesma altura do original.  

BRT CAMPO GRANDE As duas etapas de obras estão dentro do Lote 2, Trecho 2, da implantação do BRT, que vai da Vila Aurocan até o viaduto sobre a Rodovia dos Bandeirantes, com 5 km de extensão. A empresa responsável pelas obras é a Construcap CCPS Engenharia e Comércio.  

O BRT Campo Grande terá 17,9 km de extensão, saindo da região central, ao lado do Terminal Mercado, seguindo pelo leito desativado do antigo VLT, Avenida JBD, passando pelo Terminal Campo Grande e chegando ao Terminal Itajaí. Os três corredores BRT do município Campo Grande, Ouro Verde e Perimetral têm custo total de R$ 451,5 milhões. São 36,6 km de corredores, com previsão de conclusão total em meados de 2020.


Fonte: Acidade ON

18 visualizações

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.