• Higor Salles | Canal 8

Mais cara, nova gasolina tem melhor rendimento


Foto: Danilo Braga

As novas especificações para a gasolina vendida no Brasil a partir desta segunda-feira vai garantir um produto com melhor desempenho, mas que não deverá gerar economia para o consumidor. Ou seja, o veículo vai rodar mais quilômetros por litro com a nova gasolina, mas  a tendência é que o combustível fique mais caro. Na prática, pode não mudar nada para o bolso do consumidor, mas a boa notícia é que a medida vai evitar a mistura com solventes e dificultar a adulteração.

Isso porque, de acordo com Flavio Campos, Presidente do Recap, Sindicato dos Postos de Combustíveis de Campinas, haverá uma mudança na  exigência da densidade, ou massa específica, que é a quantidade de uma substância em um determinado volume. Flávio Campos afirma que para que haja essa melhoria no qualidade do produto é preciso que haja fiscalização. As distribuidoras terão dois meses para adaptarem-se às novas regras e os postos de combustíveis, três meses.

No entanto, a Petrobras, que é responsável por cerca de 90% da produção de gasolina no Brasil, informou que já está entregando o novo combustível nos postos do país. Apesar da nova gasolina ter sido pensada para motores modernos, que contam com injeção direta, por exemplo, os testes demonstraram que os propulsores mais antigos também serão beneficiados com a nova gasolina. As mudanças valem para as gasolinas comum e premium.

Fonte: CBN Campinas

1 visualização0 comentário

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.