• Higor Salles | Canal 8

Manifestantes fazem ato no Carrefour da Norte-Sul


Dezenas de manifestantes realizaram uma manifestação na manhã deste sábado, 21, em frente ao Carrefour da Avenida Norte-Sul, em Campinas. A motivação foi o assassinato de João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, após ser agredido por um segurança de uma unidade do grupo em Porto Alegre, na última quinta-feira. Testemunhas filmaram a agressão e as imagens foram compartilhadas nas redes sociais. O caso ganhou repercução em todo o Brasil, com uma onde de protestos em frente às unidades do supermercado.

Em Campinas, dezenas de pessoas estiveram na manhã deste sábado em frente à unidade da Norte-Sul, onde realizaram um protesto pacífico. Com cartazes e palavras de ordem, eles exigiram um posicionamento mais firme da rede em relação aos casos de racismo. A vítima era negra e morreu no local. Os agressores estão presos. Veja fotos da manifestação na galeria abaixo.

Após o assassinato, o presidente global do Carrefour, Alexandre Bompard, se manifestou lamentando a ocorrência e garantiu que medidas internas foram imediatamente tomadas pelo Grupo Carrefour Brasil, principalmente em relação à empresa de segurança contratada. Ele reforçou que os valores do grupo não compactuam com racismo e violência.


Fonte: CBN Campinas

2 visualizações0 comentário

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.