Metade das mortes no trânsito é de motociclistas


As mortes de motociclistas no trânsito de Campinas correspondem à metade entre todas as ocorrências divulgadas em Outubro pelo Infosiga- Sistema de Informações de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo. Os dados gerais de ocorrências no trânsito de Campinas apontam que as mortes dobraram em Outubro na comparação com o mesmo mês de 2019. Doze pessoas morreram. Entre elas, seis eram motociclistas, três pedestres e três ocupantes de carros. O motociclista, Fernando de Souza, percebeu que o trânsito tem ficado mais perigoso nos últimos dois meses e pede mais atenção dos motoristas de carro. No entanto, ele admite que alguns motociclistas se colocam em situações de risco. Para o motociclista, Ricardo Rodrigues, que trabalha com entregas, dominar a adrenalina, evitando ultrapassagens de risco, são dicas para não envolver-se em acidentes. Desde junho, quando começou a flexibilização da quarentena, os números de óbitos no trânsito da cidade têm crescido na comparação com os anos anteriores.

Fonte: CBN Campinas

0 visualização0 comentário