Pré-candidato, Pedro Serafim apresenta projeto


O ex-prefeito e ex-vereador de Campinas, Pedro Serafim, atualmente no PSDB, diz estar pronto para assumir o poder novamente no Palácio dos Jequitibás e se colocou à disposição da coligação do partido com o PSB como pré-candidato a Prefeitura.

Até o inicio de 2020 a intenção do politico, que governou a cidade em 2012 através de eleição indireta era de não participar, porém, diz que foi convencido a voltar. Ele faz questão de afirmar que o candidato natural do PSDB, é o deputado federal Carlos Sampaio e o do PSB, o ex-secretário de Relações Institucionais, Wanderley Almeida, o Wandão. No embate entre os dois principais nomes ele se coloca com conciliador.

Caso seja eleito pela coligação PSDB/PSB, Pedro Serafim, afirma que a primeira medida diante da recessão já anunciada será implantar um plano de contingenciamento, a exemplo do que fez quando esteve no comando da cidade. A medida será necessária para poder cobrar menos dos contribuintes e com isso incentiva-lo a produzir e pagar os tributos , porém, ele lembra que a lei de responsabilidade fiscal proíbe reduzir os impostos sem apresentar uma alternativa de arrecadação. Outra medida, segundo o pré candidato é aumentar a eficiência da máquina pública e priorizar os gastos e dentro desse plano a saúde pública está em primeiro lugar.

Pedro Serafim, acrescenta que a atual administração publica vai deixar dezenas de unidades de saúde prontas e o futuro prefeito terá que ter muita habilidade para gerir. Ele faz questão de frisar que caso não seja o indicado da coligação PSB/PSDB para a Prefeitura de Campinas irá apoiar o nome escolhido.

Por conta da pandemia do novo coronavírus as eleições que, historicamente, ocorrem em outubro, neste ano estão previstas para novembro.


Fonte: CBN Campinas

9 visualizações0 comentário