• João Canal 8

Prefeitura extrai 60 árvores na Rodovia Heitor Penteado

O corte de árvores no canteiro central da Rodovia Heitor Penteado, na região do bairro Nova Campinas, tem chamado atenção de motoristas que passam pelo local. A extração começou na semana passada e acontece fora do horário de pico de movimentação de veículos na via. Já foram retiradas cerca de 20 delas. Mas não vai parar por ai.

Segundo o DPJ (Departamento de Parques e Jardins), a previsão é a extração de 60 árvores. Elas estão no canteiro central da via, que é a continuação da Avenida Dr. Moraes Sales, há 30 anos e, de acordo com a pasta, a maioria que será extraída está condenada ou é de espécie invasora.

A intenção da Prefeitura é replantar outras 60 da espécie Ipê Rosa que levam até 10 anos para terem um crescimento mais consolidado e começarem a dar floradas. Os trabalhos no local seguem por mais 10 dias, segundo previsão da pasta.

"Estamos removendo o concreto, tirando as árvores que estão lá há 30 anos. Vamos colocar um gramado na área e plantar os Ipês. As árvores que estão lá são de espécie invasoras, tiveram um crescimento desordenado, sementes que caem e se espalham por causa do vento e germinam. Além de que a maioria está condenada e não tem condições de continuarem nesse local", explicou o diretor do DPJ, Luiz Cláudio Nogueira Mollo.

Ele afirmou também que a mão de obra está sendo feita por reeducandos do sistema prisional. "A Prefeitura entrou com a mão de obra dos reeducandos por meio do convênio, mais as máquinas. Foi feita uma licitação para a compra da grama e todas as novas mudas de Ipês são do viveiro municipal localizado dentro da Lagoa do Taquaral", afirmou.

Ainda segundo o diretor, a intenção da secretaria e remodelar o canteiro central da via e fazer algo parecido com a Avenida Barão de Itapura. "Será uma remodelação parecida com a da Barão de Itapura onde hoje já está dando floradas", afirmou.  


Da Redação Canal Oito Campinas

7 visualizações0 comentário

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.