• Higor Salles | Canal 8

Prefeitura lança Empreenda no Esporte com oficinas para abrir negócios


Dário, do Esportes, representou o prefeito e falou sobre importância da formalização | Crédito: Carlos Bassan

Estudantes de educação física e profissionais do esporte já podem se inscrever em quatro oficinas gratuitas sobre empreendedorismo que serão realizadas de 2 a 5 de dezembro no Planetário Municipal na Lagoa do Taquaral. A ação denominada Programa Empreenda no Esporte é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer em parceria com a Secretaria Municipal de Trabalho e Renda e o Sebrae. O programa foi apresentado em cerimônia realizada na tarde desta segunda-feira, dia 11 de novembro, na Sala Azul do Paço Municipal.

Serão quatro dias de oficinas que vão ensinar como formalizar um negócio próprio, como conquistar clientes, identificar habilidades negociais, e usar as mídias sociais para promover e conquistar novos mercados. A ideia é aproveitar o potencial técnico e criativo do segmento esportivo para fomentar e capacitar as pessoas a gerar renda com seus próprios negócios.

As inscrições estarão abertas até o dia 29 de novembro e devem ser feitas pessoalmente na Secretaria de Esportes e Lazer, que fica atrás do Ginásio do Taquaral, ou no setor de atendimento da Casa do Empreendedor, que fica no CPAT Centro, avenida Campos Sales, 427. As vagas são limitadas.

Representando o prefeito Jonas Donizette, o secretário municipal de Esportes e Lazer, Dário Saadi, explicou que sua pasta identificou uma necessidade muito grande dos profissionais que trabalham no esporte em Campinas de se formalizarem e alcançarem condições de expandir seus próprios negócios e gerar renda. “Se o profissional não é formalizado, como ele vai cobrar por serviços prestados numa empresa, por exemplo, se ele não puder emitir uma nota fiscal?” Para Dário, o objetivo do programa é fazer do esporte um polo gerador de renda.

O secretário de Trabalho e Renda, Luis Yabiku, disse que a ideia do programa nasceu a partir de um diagnóstico feito pela Secretaria de Esportes, que identificou a necessidade dos profissionais da área de se formalizarem como empreendedores. “A maioria das pessoas que se formam em Educação Física não consegue emprego e muitos acabam trabalhando em outras áreas. Com o conhecimento e as técnicas que eles vão adquirir nas oficinas, esperamos que encontrem meios para ter seus próprios negócios e gerar renda”, disse Yabiku.

O diretor do Sebrae, Guilherme Campos, disse que a vida de quem empreende não é nada fácil. “A sociedade está passando por uma transformação, a carteira assinada e o emprego do jeito que conhecemos estão cada vez mais raros. Então, a saída é o empreendedorismo, é ter o seu próprio negócio como forma de gerar renda e sustento”, explicou Campos. Já o gerente do Sebrae em Campinas, Nilcio Caibar, defendeu que o poder público deve investir cada vez mais na capacitação das pessoas que desejam se tornar empreendedoras.


As oficinas

As oficinas que serão realizadas de 2 a 5 de dezembro, das 14h às 17h, no Planetário, incluem os seguintes módulos:

- Dia 2/12 – Empreendedorismo como opção de carreira – oficina apresenta as oportunidades e desafios do setor esportivo.

- Dia 3/12 – Formalização – o conteúdo deste módulo trata dos benefícios da formalização e mostra o passo a passo para que o empreendedor legalize o seu negócio.

- Dia 4/12 – Ganhe Mercado – as técnicas e ferramentas necessárias para atrair e manter clientes satisfeitos. Como identificar o seu público-alvo, satisfazer suas necessidades e ampliar os negócios.

- Dia 5/12 – Inove para ganhar mais – a importância da inovação como ferramenta de alavancagem de negócios, com foco nas mídias sociais.


Público-alvo

O público que o programa Empreenda no Esporte pretende atingir inclui os instrutores de exercícios físicos, desportos, lazer e recreação, educadores de escolinhas de esportes e de atividades culturais, estudantes universitários de educação física e personal trainer que trabalha em praças públicas, condomínios, clubes e academias. A Região Metropolitana de Campinas possui nove faculdades de educação física que formam aproximadamente 500 novos profissionais todos os anos.


Fonte: PMC

0 visualização

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.