• Higor Salles | Canal 8

Suspeito de matar PM em Piracicaba morre em nova troca de tiros


Imagem cedida pela CBN Campinas

O suspeito de matar um policial militar com um fuzil durante um tiroteio neste sábado, em Piracicaba, morreu em uma nova troca de tiros com PMs. O homem estava foragido e foi encontrado próximo ao local do crime, em uma área de mata.

Sérgio Gomes Samad, de 35 anos, já tinha três passagens por roubo e já havia cumprido pena no sistema prisional. Ele estava livre desde 2016.

Samad chegou a ser atendido por equipes de resgate, mas morreu no local. Não foi informado que tipo de armamento ele utilizava nesta nova troca de tiros.


Morte do PM

O policial militar Vinicius da Silva de Melo morreu durante uma troca de tiros com um suspeito em Piracicaba, na manhã deste sábado. A ação também terminou com um outro policial ferido.

A troca de tiros entre os policiais e o suspeito começou depois de uma perseguição, que se iniciou quando a equipe tentou abordar um veículo em frente a um supermercado, no bairro Alvorada.

O suspeito fugiu, e após perseguição foi parado pelos policiais em frente a uma loja na Avenida Rio das Pedras, onde aconteceu a troca de tiros.

No veículo foram encontrados fuzis, colete a prova de balas e materiais de explosivos. De acordo com a polícia, o automóvel não é produto de roubo, e pertence a um parente do suspeito.

O Policial Militar, que atuava no 10º Batalhão de Piracicaba, foi atingido e morreu no local. Ele deixou a esposa e dois filhos, um de 4 e outro de 6 anos. Um outro PM que se feriu na ação foi socorrido e levado para a Santa Casa. O estado de saúde dele não foi informado.

O governador de São Paulo, João Dória (PSDB) se manifestou através de uma rede social e lamentou a morte de Melo. “”Minha solidariedade aos familiares e amigos do policial que perdeu sua vida”, diz o comunicado.


Fonte: CBN Campinas

0 visualização

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.