• Higor Salles | Canal 8

UPA Carlos Lourenço retoma atividades normais


A partir desta terça-feira, a Unidade de Pronto Atendimento do bairro Carlos Lourenço volta a fazer o atendimento normal e deixa de ser uma unidade exclusiva para o atendimento de pacientes com covid-19. A adaptação da unidade durante a pandemia aconteceu no dia 18 de junho, quando a secretaria de saúde fechou as portas para o atendimento ao público.

Na ocasião, a prefeitura informou que a UPA teria 28 leitos de retaguarda e funcionaria no sistema de portas fechadas, onde os pacientes eram transferidos para a unidade. A medida foi tomada para aliviar a pressão por leitos no sistema público de saúde. Na época, a rede pública de Campinas chegou a registrar 100% de ocupação nos leitos de UTI por cinco dias seguidos. Com a retomada da atividade da UPA Carlos Lourenço, Campinas vai normalizando seu sistema de saúde aos poucos. Antes, a prefeitura já havia desativado o Hospital de Campanha na sede dos Patrulheiros e o estado também havia encerrado a exclusividade de atendimento para pacientes com covid-19 na AME, no bairro Parque Itália.

De acordo com o prefeito de Campinas, Jonas Donizette, já nesta terça-feira a unidade do Carlos Lourenço terá funcionamento normal, ficando aberta 24 horas por dia para o atendimento da população local. “A partir de amanhã (01/09), a UPA Carlos Lourenço retoma sua função original, de cuidar de outros tipos de problema de saúde e não mais covid-19. Ela retoma a sua função original no atendimento à população”, afirma. O presidente da Rede Mário Gatti, Marcos Pimenta, explicou que não há mais necessidade de se manter uma quantidade tão grande de leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19. “O momento, realmente, é de queda da necessidade desse tipo de leito de internação, que são os leitos de menor complexidade”, explica. Os indicadores da pandemia em Campinas e região estão em queda, segundo o governo, na avaliação do Plano São Paulo.


Fonte: CBN Campinas

2 visualizações

Canal 8 Campinas Copyright © Todos os direitos reservados.